Cantando na chuva (Singin'in the rain)

Bom dia a todos!
São 06:30 da manhã, e como meu dia e meu final de semana vão ser bastante corridos, resolvi fazer uma postagem hoje porque sei que não vou ter tempo de fazê-la.
Bom, como falo muito desse mundo mágico dos musicais e tenho tido um bom retorno de vocês, resolvi fazer uma série de postagens sobre os musicais que conheço, e os que não conheço também. Tenho uma coleção considerável deles em casa, já assisti tanto alguns que sei falas decoradas. rsrsrs
A década de 60 foi a mais marcada em relação a musicais. Foi quando cantar e dançar no cinema havia virado uma febre. Numa época em que o vendia era esse talento triplo (atuar,dançar,cantar) ser ator era mais difícil. Entretanto, era mais completo. Acredito que por isso sou tão apaixonada por esse tipo de filme.
Para começar essa série de postagens resolvi escolher o musical das antigas que é mais conhecido pela célebre cena de Gene Kelly dançando na chuva.
Primeiro gostaria de dizer que nessa categoria, Gene Kelly é meu representante favorito. Adoro o cara!
E então. O filme conta a história da transição do cinema mudo para o cinema falado de uma forma muito irreverente e divertida. Don Lockwood, personagem de Kelly, e Lina Lamont, interpretada por Jean Hagen, fazem um casal de atores famosos no cinema mudo que se vêem obrigados a mudar de estilo quando chega a transição para o falado. Tudo bem para Don que tem uma bela voz, mas o estúdio no qual eles trabalham sentem dificuldade em usar Lina porque ela tem uma péssima dicção e uma voz horrível. É então que entra a idéia de uma dubladora para a voz dela, e ai que conhecemos Kathy Selden (Debbie Reynolds), ela é uma atriz nada conhecida que faz bicos no cinema para ganhar a vida. Don e Kathy acabam se conhecendo melhor trabalhando juntos, e se apaixonam. Don então tem que ajudar a amada a provar seu talento, não apenas de dubladora, para que o mundo a conheça.  
O filme á maravilhoso! Tem um idéia simples envoltas em bons atores e num ótimo roteiro. Eu ri tanto o assistindo, que precisei parar para ir ao banheiro (rsrsrs). A diversão da história fica por conta do enredo e formas que os atores conduzem seus personagens. Devo repetir, o roteiro é excelente. 
Para mim quem mais se destaca na história é Donald O'Connor, o ator que interpreta o melhor amigo de Don, Cosmo Brown. Ele é muito divertido gente, vocês não tem noção. É uma dançarino sem igual e tem uns trejeitos na atuação que é muito bacana. 
O filme é cheio de cenas cantadas. Adoro Good Morning e Singin'in the rain. E as cenas de dança de Kelly e O'Connor faz qualquer sapateador babar. 
Por esses e muitos motivos escolhi esse musical para ser o primeiro nessa minha série. Ele é limpo. Divertido. Sem maldades. É pura arte. 

Curiosidades

- O roteiro de Cantando na Chuva foi escrito apenas após a escolha das canções que fariam parte do filme;

- A chuva que aparece no filme enquanto Gene Kelly canta "Singin'in the rain" na verdade não apenas água, mas sim uma mistura de água com leite;

- Gene Kelly estava com febre durante as filmagens da famosa cena em que canta "Singin'in the rain";

- O primeiro ator cogitado para o papel de Cosmo Brown foi Oscar Levant;

- Algumas das roupas utilizadas em Cantando na Chuva foram utilizadas posteriormente em outro filme, Deep In My Heart, de 1954.

Fotos do filme




Vídeo da famosa cena de Kelly

video


Até a próxima!